Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Notícias > IEAv marca presença na BID/RIDEX – 2018 apresentando seus principais projetos na área de segurança e defesa
Início do conteúdo da página

 

               Entre os dias 27 e 29/06/2018, foi realizada, no Píer Mauá, zona portuária do Rio de Janeiro, a Rio International Defense Exhibition 2018 (RIDEX 2018), feira nacional de defesa, segurança e offshore. Com o propósito de reunir os maiores players da área de defesa e segurança, incluindo empresas da base industrial do setor, Forças Armadas, órgãos de segurança pública e delegações de nações estrangeiras, o evento recebeu mais de 14 mil pessoas, tendo promovido uma sessão de exposição e um painel de debates sobre temas de interesse da indústria e das Forças Armadas.

            Foi esse seleto e relevante público que teve a oportunidade de ver e interagir com os principais projetos desenvolvidos pelo Instituto de Estudos Avançados – IEAv – o qual apresentou, no estande da FAB, o projeto da Aeronave Hipersônica 14-X (Projeto PROPHIPER); alguns projetos de Sensores Inerciais à fibra óptica; o projeto de imageamento automático e em tempo real (projeto PITER); e o maior sucesso atual de desenvolvimento autóctone para aplicações operacionais, o software AEROGRAF (PMAII), os quais atraíram o interesse e o reconhecimento de muitos dos visitantes presentes ao evento.

De acordo com o Vice-Presidente da ABIMDE (Associação Brasileira das Indústrias de Material de Defesa), José Cláudio Manesco, “a indústria de defesa gera 60 mil empregos diretos, a maioria deles exigindo alta qualificação profissional, representando 3,7% do PIB brasileiro. Ainda, o Major Brigadeiro Almeida, Chefe da Sexta Subchefia do Estado-Maior da Aeronáutica, informou que o segmento aeronáutico dessa indústria responde por 74% das exportações de alta tecnologia do país, tendo enfatizado a importância do DCTA na criação e fortalecimento desse setor.

            Segundo o Cel Av Lester de Abreu Faria, “é um imenso prazer para o IEAv poder fazer parte de um evento dessa relevância, uma vez que podemos atingir um público alvo bastante seleto e formador de opinião na área de defesa, os quais irão não só reconhecer os resultados atingidos pelo Instituto, mas ainda multiplicar esse conhecimento para os tomadores de decisão, criando um ciclo virtuoso de incentivo e estímulo à pesquisa e desenvolvimento autóctones e fomento à Base Industrial de Defesa (BID)”

 

Fim do conteúdo da página