Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Últimas Notícias > IEAv realiza o Simpósio de Sensoriamento Remoto de Aplicações em Defesa pela primeira vez em Sorocaba-SP e reúne grande público especializado da Tríplice Hélice
Início do conteúdo da página

 

 

O Instituto de Estudos Avançados, IEAv,  realizou, entre os dias 10 e 14 de novembro, no Parque Tecnológico de Sorocaba, o 9º Simpósio de Sensoriamento Remoto de Aplicações em Defesa (SERFA 2019), mais uma vez com forte impacto científico, social, industrial e acadêmico. Desta feita, em uma edição extraordinária na medida em que o Simpósio ocorre somente em anos pares, o mesmo foi realizado pela primeira vez fora de São José dos Campos e contou com novas modalidades de interação entre técnicos, decisores, indústria, academia e sociedade, aumentando sua proficiência como fórum de transmissão de conhecimentos, atualização sobre Sensoriamento Remoto de Defesa, e geração de negócios. O tema do evento este ano foi “Espaço, Novos Mercados e uma Nova Era Espacial Brasileira”.

Pode-se ressaltar, nesta edição, o engajamento das duas das maiores e mais relevantes sociedades de pesquisa em Sensoriamento Remoto (IEEE Geoscience and Remote Sensing Society e International Society of Photogrametry and Remote Sensing), por intermédio das quais houve a presença de palestrantes/ pesquisadores internacionais, e associaram dois eventos que agregaram valor à programação: (ISPRS SAR Summer School, ocorrido nos dias 10 e 11 e IEEE Young Professionals, ocorrido nos dias 11 e 12.

Ainda, no dia 12, ocorreram as finais do “Amazônia 4.0 Challenge”, um desafio nacional a startups que atuam em diversas áreas tecnológicas que se prontificaram a oferecer alguma solução para o monitoramento da Amazônia Legal. Para tanto, houve a busca de um parceiro especializado para essa captação e promoção de evento, a Igloo Network. Como resultado, foram selecionadas 10 startups entre 250 iniciais, em um período de 30 dias. O evento das startups durante o SERFA 2019 sustentou um público de 350 pessoas no dia 12/11, terça-feira. A banca avaliadora de tais startups contou com representantes do EMAER, IEAv, MCTIC, AEB, da indústria nacional e investidores (Visiona/ Embraer, FIT Flex Brasil, Grupo Splice, e do programa televisivo Shark Tank). Este evento foi inédito e realizado pela 1ª vez no SERFA.

 

Já nos dias 13 e 14, além das palestras da grade, destacou-se a sessão temática com mesa redonda “Agro & Defesa”, primeira vez em que tal abordagem ocorre na história SERFA. Desenvolveram-se, ainda, as atividades de Hackathon (uso de Inteligência Artificial para o reconhecimento de cicatrizes de queimadas na Amazônia) e um batalha de pitch para estudantes e entusiastas, a qual contou com a mentoria de profissionais das áreas de sensoriamento remoto, comunicação oral, design thinking, active learning e gestão ágil de projetos. Essas atividades foram disputas com premiações. A Santiago & Cintra Consultoria premiou o 1º lugar do Hackathon com R$ 1.000,00. A Airbus, a Vox2you e a Hubiz premiaram o 1º lugar da batalha de pitch, com séries temporais de imagens orbitais de alta resolução, bolsa integral para curso de oratória, e mentoria para desenvolvimento de ideias, respectivamente. A Vox2you e a Hubiz também premiaram o 2º lugar com bolsa de 50% no curso de oratória e mentoria, respectivamente.

O SERFA 2019 repercutiu por toda a cidade de Sorocaba. Tanto o simpósio, quanto o conceito “Dimensão 22” foram divulgados em duas rádios locais (Rádio Ipanema e Rádio da Cruzeiro) e em um jornal impresso local, Cruzeiro do Sul.

Para o Cel Av Lester de Abreu Faria, Diretor do IEAv, “O SERFA, por si só, já se mostra como um grande gerador de assimetria de poder, uma vez que discute não só temas relevantes para a soberania nacional, mas ainda coloca em contato membros da indústria, da academia e do governo, propiciando que potenciais clientes possam repassar suas demandas para que a indústria entenda melhor suas particularidades e consiga prover soluções mais customizadas e específicas. Ainda, um dos grandes indicadores de sucesso do SERFA 2019 pode ser o fato de, em uma segunda-feira, à noite, em uma cidade que não está acostumada a receber o evento, termos 500 pessoas reunidas para falarem de ciência, tecnologia e de sensoriamento remoto. Para o povo brasileiro, isso é digno de orgulho e uma grande demonstração de que, como todos almejamos, a ciência e tecnologia está finalmente se popularizando no país!!! ”.

 

Fim do conteúdo da página